23 de agosto de 2013

Tikbalang

۞ ADM Sleipnir


O Tikbalang é uma criatura mítica encontrada no folclore filipino. É descrito como sendo um ser híbrido, metade cavalo e metade humano. Ao contrário dos centauros da cultura ocidental, o tikbalang possui a cabeça e, às vezes, os cascos de um cavalo, com o corpo de um homem alto e musculoso. As pernas do tikbalang são muito longas, e dizem que, quando ele se senta, seus joelhos ficam mais altos do que a sua cabeça.

De acordo com as histórias da mitologia das Filipinas, o Tikbalang vive no topo de árvores muito altas, ou também em pântanos, montanhas ou florestas. Do topo das árvores, ele observa toda a área, pronto para atacar qualquer um que se atreve a perturbar o seu território. 


O mito sobre o Tikbalang surgiu durante a colonização espanhola. Os conquistadores introduziram cavalos para as Filipinas e, em seguida, espalharam rumores para assustar os povos nativos. Isso explica o porquê de tantas histórias contraditórias sobre o TikbalangUma delas, por exemplo, diz que o  Tikbalang é uma criatura travessa e muitas vezes prega truques sobre os viajantes. Um de seus truques favoritos envolve fazer suas vítimas perderem o seu caminho até que fiquem loucos. 

Outras histórias descrevem o Tikbalang como sendo um monstro da noite, com brilhantes olhos vermelhos. Esta versão do  Tikbalang retrata-o como uma criatura temível, um verdadeiro perigo para as pessoas. Acredita-se que quando fica irritado - e ele se irrita facilmente - ele pisa sobre as pessoas com seus cascos até que elas morram. Nestes contos, o  Tikbalang é sempre acompanhado por um cheiro de cabelo queimado e ele fuma enormes charutos.

Outros fatores geralmente atribuídos ao Tikbalang são:

  • Habilidade de se tornar invisível;
  • Habilidade de se transformar em seres humanos; 
  • Capacidade de imitação de vozes; 
  • Guardião benevolente dos reinos elementais;
  • Ele é um demônio;
  • Ele só toma banho em luas cheias; 
  • É uma bela mulher que ficou muito velha; 
  • Ele é um  feto abortado que foi enviado de volta para a Terra a partir de limbo;
  • Ele é, na verdade, meio-pássaro, metade homem;
  • Ele propõe um enigma à sua presa e aqueles que responderem certo obtém um pote de ouro;
  • O  Tikbalang pode se apaixonar por um mortal, e acredita-se que, se chover e o céu estiver claro, um Tikbalang vai se casar.


Acredita-se que através de um certo ritual, o Tikbalang possa ser domado.Eles possuem uma espécie de juba com espinhos afiados, e aquele que conseguir amarrar um Tikbalang,se colocar por cima dele e remover pelo menos um destes espinhos pode usa-lo como um talismã, mas primeiro deve se segurar firmemente em cima dele, pois o mesmo fará de tudo para se livrar do cavaleiro desagradável. Quando ele se cansar então a vitória do aspirante a domador estará completa.


Dizem que as únicas formas de se evitar um encontro com o Tikbalang é virar a camisa do avesso, ou pedir permissão em voz alta para passar por seu território e depois caminhar em silêncio, para não perturbá-lo.




fontes:
http://meu-monstrinho-bizarro.blogspot.com.br/2013/01/tikbalang.html
http://lizzabathory.blogspot.com.br/2012/08/tikbalang.html




Agradecemos sua visita e se gostou da leitura, deixe seu comentário! Compartilhe também nossos posts nas redes sociais!

2 comentários:

  1. Este blog é incrível, conteúdo muito bom e útil.

    ResponderExcluir
  2. Muito interessante essa lenda...

    ResponderExcluir



Seu comentário é importante e muito bem vindo. Só pedimos que evitem:

-Xingamentos / Ofensas;
-Incitar o ódio e o preconceito;
-Spam;
-Publicar referências e links de pornografia;
-Comentários que nada tenham a ver com a postagem.

Reservamo-nos ao direito de remover qualquer comentário nessas condições.

De preferência, faça login com uma conta do Google, assim poderá entrar no ranking dos top comentaristas do blog.



Ruby