25 de janeiro de 2017

Yaguareté-abá

۞ ADM Sleipnir

Arte de Flavio Greco Paglia
Yaguareté-abá (em guarani, yaguaraté significa "jaguar" e abá significa "homem"; também conhecido como Capiango, Homem-Tigre ou Homem-Leopardo), de acordo com a mitologia guarani, é um bruxo capaz de se transformar em um ser meio humano, meio jaguar. Seu mito é comum na região nordeste argentina e na região do Gran Chaco, e a raíz do mito está na adoração que os indígenas tinham por felinos.

De acordo com a lenda, para um bruxo se transformar nessa criatura, ele utiliza o couro de um jaguar, incensos e penas de galinha. Após reunir esses itens, ele entra em uma moita e realiza um ritual onde anda da esquerda a direita sobre o couro, rezando um credo enquanto seu corpo vai mudando de aspecto. 

Arte de Jorge Bernard
Após a transformação, o bruxo sai para caçar. Ele se alimenta preferencialmente de carne humana, carne de mula ou carne bovina. Após devorar sua presa, ele retorna a sua forma original, realizando o mesmo ritual mas, dessa vez, em sentido inverso, andando da direita para a esquerda.

O Yaguareté-abá é uma criatura temida pelos fazendeiros, uma vez que ele invade suas propriedades em busca de alimento, e não conseguindo se alimentar da carne de bovinos, irá se alimentar dos fazendeiros e de seus familiares. Para ferí-lo, são necessárias balas ou um facão que tenham sido abençoados por um feiticeiro de alguma tribo , e para matá-lo, é necessário decapitá-lo.  Ao morrer, o Yaguareté-abá retorna de imediato à forma humana.


Agradecemos sua visita e se gostou da leitura, deixe seu comentário! Compartilhe também nossos posts nas redes sociais!

Um comentário:

  1. Deve ser daí que a Marvel tirou inspiração para criar o pantera negra rsrs.

    ResponderExcluir



Seu comentário é importante e muito bem vindo. Só pedimos que evitem:

-Xingamentos / Ofensas;
-Incitar o ódio e o preconceito;
-Spam;
-Publicar referências e links de pornografia;
-Comentários que nada tenham a ver com a postagem.

Reservamo-nos ao direito de remover qualquer comentário nessas condições.

De preferência, faça login com uma conta do Google, assim poderá entrar no ranking dos top comentaristas do blog.



Ruby