7 de março de 2018

Ájax, o Grande

۞ ADM Sleipnir

Ájax (também conhecido como Aias) foi um dos grandes heróis gregos que lutaram na Guerra de TróiaEra chamado de Ájax, o Grande, para diferenciá-lo de outro Ájax, filho de Oileo, o qual era chamado de Ájax, o Menor

Ájax, o Grande, era filho de Telamon, rei de Salamina, e Peribéia, e meio-irmão de Teucro, que segundo Homero, foi um dos melhores arqueiros de todo o exército grego e também participou da Guerra de Tróia. Ájax era amigo de Héracles, que tempos antes de seu nascimento, havia pedido a Zeus para que Telamon tivesse um filho corajoso. O pedido foi aceito, e posteriormente Ájax nasceu, recebendo seu nome inspirado em uma águia (aietos) que Telamon tinha avistado antes de seu nascimento.

De acordo com a Ilíada de Homero, somente Aquiles era um guerreiro maior do que Ájax. De grande tamanho e estatura, Ájax assemelhava-se a uma torre quando ia para a batalha empunhando seu escudo. Ele era corajoso e de bom coração, mas falava muito devagar e preferia deixar os outros falarem enquanto ele lutava.

Ájax competiu com outros guerreiros gregos para ganhar a mão de Helena, uma das mais belas mulheres da época. No fim, Helena se casou com Menelau, rei de Esparta, no entanto, Ájax e seus outros ex-pretendentes prometeram ajudar a defender o casamento.


Ájax, o Grande e Ájax, o Menor, Arte de Paolo Rivera

Participação na Guerra de Tróia

Enquanto Menelau estava longe de casa, o príncipe Páris de Tróia persuadiu Helena a acompanhá-lo até Tróia. Os gregos juraram resgatá-la, e Ájax contribuiu com 12 navios e muitos homens para o exército grego enviado para combater os troianos.

Ájax provou ser um excelente guerreiro durante a guerra que se seguiu. Quando Aquiles decidiu deixar a batalha, Ájax lutou contra Heitor, campeão dos troianos. Durante seu duelo, Heitor atirou sua lança contra Ájax, atingindo os cintos que seguravam seu escudo e sua espada, mas Ájax saiu ileso. Ájax, em seguida, pegou uma pedra enorme que nenhum outro guerreiro poderia levantar e arremessou-a contra Heitor, atingindo seu escudo e derrubando-o no chão. Após a batalha, os dois heróis trocaram presentes para mostrar o seu respeito um pelo outro. Heitor deu sua espada para Ájax, e Ájax presenteou Heitor com um cinto de espada roxo.

Ájax foi um dos gregos enviados para convencer Aquiles a voltar para a batalha. Apesar de seus esforços, Aquiles se recusava a lutar, e o exército de Tróia forçou os gregos a recuar para seus navios. Durante a batalha que se seguiu, Ájax lutou bravamente e salvou a vida do herói grego Menesteu.

Quando os troianos atacaram os navios gregos, Ájax liderou a defesa usando um enorme poste para combater o inimigo. Seu enorme tamanho o fazia alvo de muitas lanças e flechas troianas. Ájax não conseguiu salvar a frota sozinho, mas o ataque troiano foi retardado pela chegada de mais tropas gregas, lideradas pelo grande amigo de Aquiles, Pátroclo. Heitor matou Pátroclo, tomou sua armadura, e os troianos pretendiam dar seu cadáver para os cães devorarem. Ájax conseguir recuperar o cadáver, e cobrindo-o com seu próprio escudo, o levou para o acampamento de Aquiles. Nos jogos fúnebres realizados em homenagem a Pátroclo, Ájax competiu em uma série de eventos, incluindo um concurso de luta contra Odisseu, que terminou em um empate.
Luta entre Ájax e Odysseus (1613) , gravura de Crispijn van de Passe
A morte de Ájax

Com o decorrer da guerra, Aquiles acaba retornando a mesma, e após uma série de eventos é morto por Páris. Ájax trouxe o corpo do grande campeão de volta para o acampamento grego e recuperou sua armadura, enquanto Odisseu lutava contra os troianos. A armadura de Aquiles levou a uma disputa entre Ájax e Odisseu. Ambos sentiam que a armadura deveria ser usada por eles, e para resolver a questão, os gregos, inspirados por Atena, decidiram fazer uma votação, onde acabaram declarando Odisseu como vencedor.

Enfurecido por esta decisão, Ájax planejou atacar sozinho as tropas inimigas naquela mesma noite. No entanto, a deusa Atena fez com que Ájax ficasse temporariamente louco e atacasse um rebanho de ovelhas, certo de que matava os adversários. Depois de recuperar sua sanidade, Ájax ficou tão envergonhado com o que havia acontecido que ele acabou se matando usando a espada que Heitor havia lhe dado. Odisseu posteriormente encontrou seu espírito no submundo e tentou apaziguá-lo, mas em vão.

A loucura de Ájax inspirou a Sófocles a tragédia Ájax Furioso (450 a.C.).


Obrigado por sua visita! Se gostou da leitura, por favor deixe um comentário. Compartilhe nossas postagens nas redes sociais!

Nenhum comentário:



Seu comentário é importante e muito bem vindo. Só pedimos que evitem:

-Xingamentos ou ofensas gratuitas;
-Comentários racistas e/ou xenófobos;
-Spam;
-Publicar referências e links de pornografia;
-Desrespeitar o autor da postagem ou outro visitante;
-Comentários que nada tenham a ver com a postagem.

Removeremos quaisquer comentários que se enquadrem nessas condições.

De preferência, evite fazer comentários anônimos. Faça login com uma conta do Google, assim poderemos responder seus comentários de forma mais apropriada, e você poderá entrar no ranking dos top comentaristas do blog.



Ruby