29 de maio de 2020

Chickcharney

۞ ADM Sleipnir



Chickcharney (também Chickcharnie ou Chickcharnee) é uma espécie de criatura mítica que se assemelha a um pássaro, especificamente uma coruja, e dita viver no subarquipélago de Andros, nas Bahamas. Ela possui cerca de um metro de altura, tendo dois braços com três dedos, três garras nas patas ao invés de cinco e grandes e penetrantes olhos vermelhos. Além disso, é coberta por penas tão finas que se assemelham a pelos. Supostamente, possui a capacidade de girar sua cabeça em 360 graus. É freqüentemente mencionado que os Chickcharneis possuem uma cauda preênsil que os ajuda a subirem nas árvores e alcançarem seus ninhos.


Chickcharneis são conhecidos por serem muito travessos e, por vezes, bastante agressivos. Dizem que se um viajante encontrar um Chickcharney, deve tratá-lo com gentileza. Aqueles que tratam bem o Chickcharney e lhe demonstram respeito são recompensados ​​com boa sorte, enquanto aqueles que não o fazem, ou pior ainda, os que zombam da criatura, terão azar e dificuldades. Se o Chickcharney se sentir especialmente ofendido por alguém, diz-se que a criatura torcerá violentamente o pescoço do mesmo. Conta-se que os nativos de Andros eram tão cautelosos com os Chickcharneis que muitas vezes carregavam consigo flores ou pedaços de pano de cores vivas para encantar as criaturas e dissuadi-las de atacar ou causar problemas.

Uma história narrando a ira dos Chickcharnies envolve um ex-primeiro ministro da Inglaterra, Neville Chamberlain. Segundo a história, Chamberlain assumiu a plantação de seu pai nas Bahamas e, ao chegar, promoveu o desmatamento desenfreado na região. Infelizmente para ele, parte da vegetação dizimada abrigava Chickcharnies, que imediatamente buscaram vingança. A plantação de Neville tornou-se um fracasso, gerando um enorme prejuízo financeiro no final, e os habitantes locais atribuíram esse infortúnio aos Chickcharnies. 

Alguns criptozoologistas crêem que os Chickcharneis sejam na verdade os últimos membros de uma espécie de coruja gigante extinta chamada Tyto pollens,que viveu nas Bahamas durante a última Era do Gelo.

Apoie nosso trabalho! Deixe um comentário, dê sugestões, elogie, critique. Mantenha o blog vivo. Siga-nos também no instagram @portaldosmitos

2 comentários:

  1. Parece um macaquinho na segunda imagem (aí uma dessas criaturas tem acesso à internet e interpreta meu comentário mau e eu to lascado kkk)

    ResponderExcluir



Seu comentário é muito importante, e muito bem vindo. Porém pedimos que evitem:

1)Xingamentos ou ofensas gratuitas;
2)Comentários racistas, homofóbicos, xenófobos e similares;
3)Spam de conteúdo e divulgações não autorizadas;
4)Publicar referências e links para conteúdo pornográfico;
5)Desrespeitar gratuitamente o autor da postagem ou outro visitante. Mantenha a polidez;
6)Comentários que nada tenham a ver com a postagem.

Removeremos quaisquer comentários que se enquadrem nessas condições.

De preferência, evite fazer comentários anônimos. Faça login com uma conta do Google, assim poderemos responder seus comentários de forma mais apropriada, e você poderá entrar no ranking dos top comentaristas do blog.



Ruby