25 de junho de 2013

O Holandês Voador

۞ ADM Sleipnir



O Holandês Voador (em inglês The Flying Dutchman) é um lendário navio fantasma, que estaria condenado a navegar até o final dos tempos. Sua aparição seria um sinal  de uma tragédia iminente para aqueles que o veem. Existem muitos contos e histórias diferentes sobre o Holandês Voador. A primeira lenda surgiu em 1795, quando o carteirista irlandês George Barrington escreveu seu "Voyage to Botany Bay". De acordo com o livro, os marinheiros contavam uma história sobre um navio holandês que se perdeu no mar durante uma tempestade horrível. Depois o mesmo navio naufragou outros navios durante um sinistro nevoeiro. Esse evento era atribuído ao comportamento do capitão Bernard Fokke: ele era conhecido pela velocidade "diabólica" em suas viagens da Holanda para Java. Alguns diziam que Fokke era "ajudado pelo diabo".

Outra versão da lenda começa em 1641, quando um navio holandês naufragou em torno da costa do Cabo da Boa Esperança. A viagem ao Extremo Oriente tinha sido bem sucedida, e o navio estava em seu caminho de volta para a Holanda. O capitão Van der Decken estava satisfeito, e absorto em pensamentos, acabou não percebeu que nuvens negras se aproximavam. Só quando ouviu o grito amedrontado do vigia, ele foi perceber que havia navegado em linha reta em uma forte tempestade. Van der Decken e sua tripulação lutaram durante horas para sair da tempestade, mas, em seguida, eles ouviram uma forte batida: o navio atingiu uma rocha e começou a afundar. Enquanto o navio afundava, o capitão ciente de que a morte estava se aproximando, proferiu uma maldição: "Eu ​​vou contornar este cabo, mesmo que eu tenha que continuar velejando até o Juízo Final"

Avistamentos do Holandês Voador



Sempre que uma tempestade surge no largo do Cabo da Boa Esperança, é dito que não se deve olhar para o centro dela, porque você verá o Holandês Voador. E quem vê o navio tem uma morte terrível. Apesar de muitos concordarem que o Holandês Voador é apenas uma lenda, o navio teria sido avistado em várias ocasiões, no Cabo da Boa Esperança por testemunhas confiáveis. Aqui está uma lista selecionada de avistamentos famosos:

  • Em 1823, o capitão Owen, do HMS Leven, registrou dois avistamentos no log. Em 1835, os marinheiros de um navio britânico viram um navio abordá-los no meio de uma tempestade. Pensaram que haveria uma colisão, mas o navio de repente desapareceu.

  • Em 11 de julho 1881, o navio HMS Inconstant estava contornando a ponta da África, quando a sua equipe foi confrontada com a visão do Holandês Voador. O Almirante, que mais tarde tornou-se o rei George V, registrou que ele e sua tripulação, composta por 12 homens, tinham avistado o Holandês Voadro e usou essas palavras para descrevê-lo:"Uma estranha luminosidade vermelha como a de um navio fantasma todo iluminado", "Seus mastros, vergas e velas sobressaíam nitidamente". Logo após o avistamento, um dos vigias do navio acidentalmente caiu de um dos mastros e morreu "completamente despedaçado". Assim que chegaram no seu destino, o Almirante contraiu uma doença que por pouco não o matou.

  • Em 1879, a tripulação do SS Pretória viu o Holandês Voador e em 1911 um navio baleeiro quase colidiu com ele antes dele desaparecer. Em 1923, alguns membros da Marinha britânica avistaram o navio assombrado e forneceram a documentação para a Sociedade de Pesquisas Psíquicas. Em 1939, em plena segunda guerra mundial, o Holandês Voador foi visto pelo almirante alemão Karl Doenitz e sua tripulação, e o mesmo comunicou a Adolf Hitler o cancelamento do ataque à cidade egípcia de Suez pois a visão do navio fantasma era um sinal de que a missão fracassaria. Em 1941, pessoas em praia de Glencairn viram o navio fantasma desaparecer antes que ele se chocasse contra as rochas. Em 1942, quatro testemunhas viram o navio entrar na Baía de Mesa e em 1959 o Magelhaen quase colidiu com o navio fantasma.

Fata Morgana


Apesar das descrições de abomináveis luzes, os cientistas apresentam uma explicação mais razoável para o mito: o Holandês Voador poderia ser uma Fata Morgana, uma miragem que ocorre devido a uma inversão térmica, onde em tempo calmo, o ar quente repousa logo acima o denso e frio ar próximo à superfície do oceano. O ar entre as duas massas funciona como uma lente de refração, que irá produzir uma imagem de cabeça para baixo, distorcida do objeto na posição vertical. Mesmo que um navio possa estar além do horizonte, o espectador pode ver uma imagem invertida e desfocada do "navio miragem" que pode aparecer várias vezes maior do que seu tamanho real, e muito perto.



Obrigado por sua visita! Se gostou da leitura, por favor deixe um comentário. Compartilhe nossas postagens nas redes sociais!

13 comentários:

  1. Legal! Acabei de asssitr Piratas do Caribe e resolvi procurar sobre o navio. Bom artigo e parabens.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Heheheh, quase um ano depois, mais um visitante aki pelo mesmo motivo

      Excluir
  2. Gostei muito...excelente documentário sobre a lenda do navio fantasma Holandes Voador !!!

    ResponderExcluir
  3. rsrs.. banaca... eu nao acredito.. enfim!! era bom se existisse, queria dar uma volta nele kkk

    ResponderExcluir
  4. seria nais daora se desse pra da ctrl c ctrl v mais ta bom tambem

    ResponderExcluir
  5. desde jovem fui ligado nestes temas. e na época não tínhamos computador, tínhamos que recorrer a biblioteca publica e garimpar nos livros.portanto ótimo site.já salvei nos favoritos para consulta.

    ResponderExcluir
  6. Eu gostei da publicação, e espero que esta lenda seja realidade, pois , desde 1959, ou em outra década, nunca mais vimos notícias sobre o navio. Podiam mandar navegantes para descobrirem sobre o holandês, para ver se ele é real, ou não, pois estou curioso. Em primeiro lugar, eu ainda estou em dúvida se o kraken existe ou existia, e agora, o holandês

    ResponderExcluir
  7. Legal, bom gostei mas a lenda de 1795 é mais verídica.

    ResponderExcluir
  8. Muito bom, gostei demais dessa publicação. Fiquei muito curioso depois de ouvir falar um pouco com um amigo sobre essa lenda. Muito sinistra, Parabéns! Se for possível, Visite meu blog: http://zona-abissal.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Às vezes penso numa possível relação dessa lenda com os relatos de OSNI's (Objetos Submarinos não identificados) pela comunidade marítima. É muito estranho. Intriga-me bastante.

    ResponderExcluir
  10. Achei esse documentário excepcional,no entanto, por mais que queira acreditar no mito, tenho que concordar com os cientistas sobre a Fata Morgana que Deus sinal de vida mais uma vez com a misteriosa cidade flutuante no céu chinês.

    ResponderExcluir
  11. Muito legal, vim pesquisar pq a primeira vez q ouvi foi no desenho do BOB ESPONJA, ae depois em piratas do caribe, então tentei entender ...kkk

    ResponderExcluir



Seu comentário é importante e muito bem vindo. Só pedimos que evitem:

-Xingamentos / Ofensas;
-Incitar o ódio e o preconceito;
-Spam;
-Publicar referências e links de pornografia;
-Comentários que nada tenham a ver com a postagem.

Reservamo-nos ao direito de remover qualquer comentário nessas condições.

De preferência, faça login com uma conta do Google, assim poderá entrar no ranking dos top comentaristas do blog.



Ruby