23 de dezembro de 2016

Gato de Yule (Jólakötturinn)

۞ ADM Sleipnir


O Gato de Yule (em islandês: Jólakötturinn ou Jólaköttur) é um felino gigante e demoníaco presente no folclore islandês, conhecido por espreitar os campos nevados durante o Natal e comer aqueles que não ganharam roupas novas para vestir antes da véspera de Natal. Ele é associado a gigante comedora de crianças Grýla e a seus filhos, os Rapazes de Yule, sendo considerado o seu animal de estimação desta terrível família.

A ameaça de ser comido pelo Gato de Yule era usada por fazendeiros como um incentivo para que seus trabalhadores terminassem de processar a lã durante o outono, antes da chegada do Natal. Aqueles que conseguiam cumprir o prazo eram recompensados ​​com roupas novas, mas aqueles que não conseguiam não receberiam nada e, assim, de acordo com a lenda, seriam atacados pelo monstruoso felino. 

Uma versão alternativa da lenda conta que o gato come apenas a comida daqueles que não possuem uma roupa nova durante as festividades do Natal. A versão devoradora de homens do Galo de Yule foi parcialmente popularizada pelo poeta islandês Jóhannes úr Kötlum em seu poema Jólakötturinn

Agradecemos sua visita e se gostou da leitura, deixe seu comentário! Compartilhe também nossos posts nas redes sociais!

Nenhum comentário:



Seu comentário é importante e muito bem vindo. Só pedimos que evitem:

-Xingamentos / Ofensas;
-Incitar o ódio e o preconceito;
-Spam;
-Publicar referências e links de pornografia;
-Comentários que nada tenham a ver com a postagem.

Reservamo-nos ao direito de remover qualquer comentário nessas condições.

De preferência, faça login com uma conta do Google, assim poderá entrar no ranking dos top comentaristas do blog.



Ruby