Image Map

20 de julho de 2020

Caruaras

۞ ADM Sleipnir

Arte de Douglas Nogueira

Os Caruaras (ou Caroaras) são uma espécie de duende pertencente ao folclore amazônico, geralmente descritos como sendo bem pequenos, com uma aparência muito semelhante a um bicho-pau e empunhando um arco e flechas envenenadas. 

Camuflados e virtualmente invisíveis em meio a natureza, os Caruaras costumam atacar mulheres, em especial aquelas que estão em seu período menstrual, atirando flechas em seus joelhos ou tornozelos. Conta-se que eles também possuem uma "mãe", que assim como eles, ataca mulheres menstruadas  à flechadas.

O veneno das flechas dos Caruaras provocam dores terríveis no local atingido, semelhante as dores causadas por artrite ou reumatismo, além de inchaço e dificuldade de articulação. Dizem que o cheiro das mulheres nesse período os atraem, por isso é recomendado que se resguardem, evitando caminharem em trilhas de mata, ou até mesmo em quintais.

Não se conhece o motivo pelo qual Caruaras possuem essa aversão as mulheres. O que se sabe é que aos homens, os Caruaras não representam qualquer perigo. 

Arte de Rodrigo Viany (Sleipnir)


fonte:
  • Dicionário do Folclore Brasileiro, de Câmara Cascudo.
NÃO DEIXE O BLOG MORRER! Separe um minuto para comentar, elogiar ou criticar as publicações. Faça também sugestões. Sua interação é importante e ajuda a manter o blog ativo!

4 comentários:

  1. Realmente que razao seria dessa aversão a mulheres naqueles dias?
    Pelo menos não é um daqueles bichos tarados que visam mulheres para o abuso.

    ResponderExcluir
  2. Esse mito deve servir para proteger ás mulheres. Uma mulher menstruada no meio do mato deve ser facilmente rastreada pelo olfato dos predadores. Talvez eles percebam o cheiro da menstruação como o de um animal que qualquer que sangra e, para um predador da floresta, onde há sangue, há carne fresca pronta para ser caçada.

    ResponderExcluir
  3. Eu só lembrei de Skyrim: "Eu era um aventureiro como você, mas aí eu levei uma flechada no joelho." Kkkkk
    Nunca tinha ouvido falar desses seres, achei interessante, adoro as mitologias e lendas daqui do Brasil.

    ResponderExcluir



Seu comentário é muito importante, e muito bem vindo, porém peço que evitem:

1) Xingamentos ou ofensas gratuitas ao autor e a outros comentaristas;
2)Comentários racistas, homofóbicos, xenófobos e similares;
3)Spam de conteúdo e divulgações não autorizadas;
4)Publicar referências e links para conteúdo pornográfico;
5)Comentários que nada tenham a ver com a postagem.

Comentários que inflijam um desses pontos estão sujeitos a exclusão.

De preferência, evite fazer comentários anônimos. Faça login com uma conta do Google, assim poderei responder seus comentários de forma mais apropriada, e de brinde você poderá entrar no ranking dos top comentaristas do blog.



Ruby