Image Map

10 de janeiro de 2020

Adze

۞ ADM Sleipnir


Arte de Guilermo Cartay para o cardgame Mitos y Leyendas
Adze (literalmente "ferramenta semelhante a um machado"; pronuncia-se Ads) é um ser vampírico pertencente ao folclore dos ewe (ou jeje), um povo que habita uma região ao leste do rio Volta, ao sul de Gana, Togo e Benim.

Na natureza, o Adze assume a forma de vagalume ou de uma bola de luz, assumindo a forma humana quando se alimenta dos seres humanos (segundo algumas histórias, apenas as crianças mais bonitas de uma tribo). Em sua forma de vagalume, o Adze consegue passar por brechas em portas trancadas à noite e sugar o sangue de suas vítimas enquanto dormem, fazendo com que adoeçam e morram. Acredita-se também que o Adze seja capaz de possuir pessoas quando está em forma humana.


Arte de arandomtrickster
Aqueles possuídos por um Adze são vistos pela comunidade como bruxos/bruxas ("abasom" na língua ewe), e  a influência do Adze afetaria negativamente as pessoas que viviam em torno de seu anfitrião. Suspeita-se que sejam pessoas possuídas por um Adze: mulheres com irmãos (especialmente se os filhos de seu irmão se saem melhor que os seus), idosos (se os mais jovens da casa de repente começaram a morrer enquanto os mais velhos continuam vivendo) e pobres ( quando esses exibem inveja dos ricos). 

Embora o Adze normalmente beba apenas sangue, ele pode ser evitado com ofertas de kokosmilch (leite de coco) e palmoel (óleo de palma). Se capturado em sua forma de vagalume/bola de luz, o Adze imediatamente mudará de forma para a forma humana. Enquanto estiver nesta forma, qualquer meio que normalmente mate um humano destruirá o vampiro.

É provavel que as histórias sobre a criatura sejam uma tentativa de descrever os efeitos potencialmente mortais dos mosquitos e da malária.


Arte de Johan Egerkrans

fontes:

NÃO DEIXE O BLOG MORRER! Separe um minuto para comentar, elogiar ou criticar as publicações. Faça também sugestões. Sua interação é importante e ajuda a manter o blog ativo!

Nenhum comentário:



Seu comentário é muito importante, e muito bem vindo, porém peço que evitem:

1) Xingamentos ou ofensas gratuitas ao autor e a outros comentaristas;
2)Comentários racistas, homofóbicos, xenófobos e similares;
3)Spam de conteúdo e divulgações não autorizadas;
4)Publicar referências e links para conteúdo pornográfico;
5)Comentários que nada tenham a ver com a postagem.

Comentários que inflijam um desses pontos estão sujeitos a exclusão.

De preferência, evite fazer comentários anônimos. Faça login com uma conta do Google, assim poderei responder seus comentários de forma mais apropriada, e de brinde você poderá entrar no ranking dos top comentaristas do blog.



Ruby