Image Map

3 de outubro de 2016

Nariphon

۞ ADM Sleipnir


Nariphon (em thai: นารี ผล), também conhecida como Makkaliphon (em thai: มักกะลีผล, do páli makkaliphala) é uma espécie de árvore na mitologia budista que dá frutos na forma de jovens mulheres com cerca de 20 cm de comprimento. Elas crescem anexadas aos ramos das árvores através de suas cabeças e duram sete dias, após os quais elas murcham e morrem. De acordo com a lenda, as árvores Nariphon crescem em Himaphan, uma floresta mítica onde seus frutos são apreciados pelos Gandharvas, que os cortam e os levam embora.


Mitos e folclore

Segundo a mitologia budista, o deus Indra criou um pavilhão (Sala) como morada para Vessantara (incarnação de Buda anterior a Sidarta Gautama), sua esposa Maddi e dois filhos viverem. Maddi ia a floresta para colher alimentos, porém a mesma era habitada por eremitas, que apesar de terem adquirido poderes especiais a partir de sua meditação, não conseguiam dominar a luxúria. Para que a esposa de Vessantara não corresse risco de ser atacada por eles, Indra criou doze árvores Nariphon, que davam frutos sempre que ela saia para recolher alimentos na floresta. Os frutos distraiam os eremitas e permitiam que Maddi pudesse colher alimentos em paz. 

Apesar de atrativos, os frutos de Nariphon são muito perigosos para os homens. As lendas dizem que se um homem arrancar o fruto de uma Nariphon e então ter relações sexuais com ele, o homem se tornará estéril. Se o homem tiver quaisquer habilidades mágicas, ele também a perderá. 

NÃO DEIXE O BLOG MORRER! Separe um minuto para comentar, elogiar ou criticar as publicações. Faça também sugestões. Sua interação é importante ajuda a manter o blog ativo!

2 comentários:

  1. Excelente publicação! e falando em árvores: eu tenho uma dica para vocês. Pesquisem sobre a árvore Huluppu, têm muitas informações a respeito; pode ser outra grande publicação... muito obrigado e parabéns pelo trabalho.

    ResponderExcluir



Seu comentário é muito importante, e muito bem vindo, porém peço que evitem:

1) Xingamentos ou ofensas gratuitas ao autor e a outros comentaristas;
2)Comentários racistas, homofóbicos, xenófobos e similares;
3)Spam de conteúdo e divulgações não autorizadas;
4)Publicar referências e links para conteúdo pornográfico;
5)Comentários que nada tenham a ver com a postagem.

Comentários que inflijam um desses pontos estão sujeitos a exclusão.

De preferência, evite fazer comentários anônimos. Faça login com uma conta do Google, assim poderei responder seus comentários de forma mais apropriada, e de brinde você poderá entrar no ranking dos top comentaristas do blog.



Ruby