12 de julho de 2017

Akabeko

۞ ADM Sleipnir



Akabeko (jap: 赤 べ こ, "vaca vermelha") é uma vaca lendária da antiga região de Aizu (hoje Fukushima) no Japão, que inspirou um brinquedo tradicional.

O brinquedo é feito com dois pedaços de madeira coberta de papel-mâché, moldados e pintados para parecer uma vaca ou boi vermelho. Uma peça representa a cabeça e o pescoço da vaca e a outra é o corpo. A cabeça e o pescoço pendem em uma corda e se encaixam no corpo oco. Quando o brinquedo é movido, a cabeça se move para cima e para baixo e também de lado a lado. Os primeiros akabeko foram criados no final do século XVI ou início do século XVII.

 
Ao longo do tempo, as pessoas chegaram a acreditar que esses brinquedos poderiam afastar a varíola e outras doenças. A confecção do Akabeko tornou-se um dos ofícios mais famosos da prefeitura de Fukushima e um símbolo da região de Aizu. Também foi reconhecido como um símbolo da região de Tōhoku, da qual a prefeitura de Fukushima é parte. 

Origem da lenda

De acordo com uma lenda de Aizu registrada pelo historiador Thomas Madden, os brinquedos akabeko são baseados em uma vaca vermelha real que vivia na região em 807 d.C. Naquela época, um monge chamado Tokuichi estava supervisionando a construção de Enzō-ji, um templo localizado em Yanaizu, Fukushima. Após a conclusão do templo, a vaca entregou seu espírito a Buda, e sua carne imediatamente se transformou em pedra.


Outra versão da lenda afirma que a vaca em vez disso se recusou a abandonar os terrenos do templo após a construção ser completada, e acabou se tornando uma estátua permanente lá. A vaca vermelha foi chamada de akabeko (onde aka = vermelho e Beko é um dialeto de Aizu para vaca) e se tornou um símbolo de devoção zelosa ao Buda.

Após Toyotomi Hideyoshi solidificar seu poder sobre o Japão, seu representante, Gamō Ujisato, foi enviado para ser o senhor da região de Aizu em 1590. Em seu novo posto, Ujisato ouviu a história de Akabeko e ordenou aos artesãos da corte que o acompanharam de Kyoto, que criassem um brinquedo baseado na vaca vermelha. Estes primeiros akabekos de papel-mâché introduziram a maioria dos elementos básicos pelos quais o brinquedo é conhecido.

No mesmo período, o Japão sofreu um surto de varíola. As pessoas em Aizu perceberam que crianças que possuíam brinquedos akabeko pareciam não pegar a doença. A cor vermelha do akabeko pode ter aumentado esta associação, já que acreditasse que amuletos vermelhos protegem contra essa doença. Os brinquedos Akabeko tornaram-se muito populares como encantos para evitar a doença, uma superstição que persiste nos tempos modernos. O brinquedo tornou-se um dos poucos artesanatos da Prefeitura de Fukushima a ser conhecido em todo Japão  e um símbolo da região de Aizu. 

Obrigado por sua visita! Se gostou da leitura, por favor deixe um comentário. Compartilhe nossas postagens nas redes sociais!

Nenhum comentário:



Seu comentário é importante e muito bem vindo. Só pedimos que evitem:

-Xingamentos / Ofensas;
-Incitar o ódio e o preconceito;
-Spam;
-Publicar referências e links de pornografia;
-Comentários que nada tenham a ver com a postagem.

Reservamo-nos ao direito de remover qualquer comentário nessas condições.

De preferência, faça login com uma conta do Google, assim poderá entrar no ranking dos top comentaristas do blog.



Ruby