26 de dezembro de 2012

Susanoo

۞ ADM Sleipnir



Susanoo (jap: 須佐之男, "Homem Impetuoso"; também romanizado como Susano-o, Susa-no-o ou Susanowo) é o deus do mar e das tempestades no xintoísmo. Ele era uma divindade realmente indesejável para os humanos e até mesmo figurava no panteão xintoísta como um deus decididamente perturbador. Seu caráter e personalidade foram descritos no Nihongi (2º livro mais antigo sobre a história do Japão), mais nítida e claramente do que qualquer outra divindade. Susanoo era dotado de uma natureza extremamente má, da qual, com freqüência, resultavam em ações muito cruéis. O curioso, é que apesar de suas maldades, ele tinha o hábito de chorar e lamentar-se com freqüência e a sua longa barba sempre estava molhada de lágrimas. Assim como uma criança num acesso de raiva reduz um brinquedo a pedaços, Susanoo em uma ira crescente podia reduzir a pó montanhas inteiras, ocasionando a morte de muitas pessoas e animais. 


Mitologia

Susanoo foi um dos deuses nascidos quando o deus Izanagi retornou de Yomi, a terra dos mortos. Susanoo saltou do nariz de Izanagi enquanto o deus se purificava das impurezas do submundo. Sua irmã, Amaterasu, nasceu do olho esquerdo de Izanagi e seu irmão Tsukuyomi nasceu do olho direito. 



Izanagi entregou a Susanoo o governo dos mares, mas Susanoo não ficou satisfeito. Amaterasu recebeu o sol e Tsukuyomi a Lua. Irritado, Susanoo prometeu se juntar à sua mãe Izanami no submundo. Irritado com a ingratidão de Susanoo, Izanagi acaba banindo-o dos ceús. Porém, ir embora pacificamente iria contra a natureza tempestuosa de Susanoo. Com inveja de sua irmã, Susanoo desafiou Amaterasu para um concurso, onde quem conseguisse criar mais deuses seria o vencedor. Amaterasu pega a espada de Susanoo e a quebra em três pedaços, os quais ela come e depois cospe no chão. Uma névoa se forma, e dessa névoa surgem três deusas. Susanoo por sua vez arranca o colar de pérolas de Amaterasu e quebra cada uma delas com seus dentes, fazendo surgir cinco deuses. Susanoo se declarou o vencedor da disputa, mas Amaterasu não aceitou a decisão, pois uma vez que os cinco deuses tinham surgido de suas jóias, obviamente, ela era mais forte. 

Susanoo causou tumultos por toda a Terra, alegando que ele era o vencedor da competição. Ele inundou campos de arroz e causou grande destruição. Ele até contaminou o templo onde a colheita do arroz era realizada, defecando sobre ele. Por fim, ele esfolou um cavalo vivo, e em seguida, lançou o mesmo em uma sala onde Amaterasu estava tecendo com suas assistentes. Uma delas chegou a desmaiar diante da visão. Furiosa, Amaterasu fugiu para uma caverna escura, deixando a terra em completa escuridão. O sol não brilharia de novo até ela ser persuadida a sair de lá. 

Enquanto isso, os outros deuses ficavam cada vez mais irritados com Susanoo, e cansados de suas atitudes, finalmente o despojaram de todos os seus bens, e até mesmo de sua barba e suas unhas, e o baniram definitivamente do céu.



Outras histórias contam o que aconteceu com Susanoo após ele ser expulso do céu. Em algumas dessas histórias, Susanoo é um herói em vez de um vilão irritável ou problemático. Estas duas personalidades podem ser o resultado de diferentes tradições locais. Diz-se também que, quando ele agia de forma maligna, Susanoo seguia os desejos de sua alma perversa, chamada Ara-mi-tama; quando ele era bom, ele seguia os desejos de sua alma boa, chamada Nigi-mi-tama

Em uma lenda, Susanoo ficou zangado com Ukemochi, a deusa dos alimentos, após esta enojá-lo ao expelir comida do seu reto, nariz e boca. Ele a mata, e de seu cadáver brotam vegetais, arroz e outros grãos, trazendo estas culturas vitais para o mundo. Essa lenda em particular possui variações onde o deus Tsukuyomi toma o lugar do deus Susanoo.

A história mais famosa de Susanoo conta sobre sua terrível batalha contra a serpente-dragão Yamata-no-Orochi. Após seu banimento, Susanoo foi para a terra de Izumo, e lá encontrou um velho casal aos prantos na beira do rio Hi, juntamente com uma bela jovem. Após perguntar ao casal sobre o motivo de seu pranto, o senhor disse-lhe: “Somos divindades terrestres, e esta é minha  filha, a prodigiosa princesa Kushinada. Um dragão de oito cabeças, chamado Yamata no Orochi exige que eu dê minhas filhas a ele em sacrifício. Sete já foram devoradas e agora devo entregar a última para ele." Susanoo perguntou ao senhor se ele lhe daria Kushinada em casamento caso ele o ajudasse. Prontamente o senhor concordou. 

Com o que restava de seus poderes divinos, Susanoo transformou Kushinada em um pente, e o prendeu em seu cabelo para mantê-la segura. Depois encheu oito potes com saquê (em outra versão da história, dizem que o saquê foi previamente envenenado) e os colocou dentro de uma plataforma rodeada por uma cerca com oito aberturas. Quando Yamata-no-Orochi chegou para devorar a jovem, encontrou os barris de saquê em seu lugar. O dragão avidamente consumiu o saquê até ficar completamente bêbado e desmaiar. Assim, Yamata-no-Orochi ficou totalmente vulnerável, permitindo que Susanoo o matasse. 



Com sua espada, ele cortou cada uma das oito cabeças do dragão. Do ventre do dragão caiu o sagrado orbe da vida, o Magatama. Debaixo das escamas de sua cauda, Susanoo encontrou a espada sagrada, Kusanagi no Tsurugi, e da última cabeça cortada, rolou uma lágrima que se tornou um espelho. Susanoo deu a espada Kusanagi de presente à sua irmã Amaterasu, como um presente de reconciliação. A jóia Magatama foi deixada em Izumo, e o espelho foi dado à princesa Yata, irmã mais nova de Kushinada. Estes três objetos são hoje conhecidos como “Os Três Tesouros Sagrados do Japão” e diz-se serem preservados no Palácio Imperial de Tóquio.

O tesouro imperial japonês - Espelho de Yata, Espada de Kusanagi e o Yasakani no Magatama
Após ter derrotado o terrível dragão, Susanoo transformou o pente novamente em Kushinada - e os dois seguiram para Suga, onde celebraram seu casamento. Susanoo construiu um castelo nas nuvens, acima da região de Izumo, onde viveu com Kushinada. Eles e seus descendentes realizaram feitos titânicos de procriação. Um dos seus descendentes, por exemplo, foi o deus Okuninushi, que teve oitenta irmãos.

Na Cultura Popular 
  • No enredo do mangá Naruto, Susanoo é uma técnica utilizada pelos detentores do Mangekyou Sharingan. Usada especificamente por Uchiha Itachi, Uchiha Madara e Uchiha Sasuke. 
  • Em Ōkami, um jogo para PlayStation 2 e Wii, Susanoo é um espadachim sem talento que aparece ao lado de Amaterasu, a protagonista. 
  • Em Persona 4, um jogo do PlayStation 2 e PlayStation Vita, Susano-o é a Persona Suprema de Yosuke Hanamura, desbloqueada depois de completado o seu Social Link. 
  • No jogo God's Eater Susanoo aparece representado por um ser escorpião aragami sendo do tipo divino. 
Obrigado por sua visita! Se gostou da leitura, por favor deixe um comentário. Compartilhe nossas postagens nas redes sociais!

9 comentários:

  1. Muito Boa as definições do Susanoo... O blog é bem interessante.

    ResponderExcluir
  2. Mt bom, mas gostaria de saber mais sobre izanagi. façam um sobre ela. Please!

    ResponderExcluir
  3. JA PRESTARAM ATENCAO NO QUE ESTAR ESCRITO EMBAIXO DOS COMENTARIO ACHO QUE E DIABOLICO

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A sua ignorância me assusta mais.

      Excluir
    2. Isso é a oração de exorcismo dos ritos católicos.

      Excluir
  4. muito bom, vou ler mais postagens de vocês, gostei muito do blog, fala um pouco mais sobre as reliquias?

    ResponderExcluir
  5. foi muito bom, diferente do susanoo do anime naruto

    ResponderExcluir
  6. Em Digimon Frontier (Conhecido aqui no Brasil como Digimon 4) a forma final dos digiescolhidos é Sussanomon (A união dos dez guerreiros lendários do Digimundo que derrotam Lucemon.

    Ótimo Blog!

    ResponderExcluir



Seu comentário é importante e muito bem vindo. Só pedimos que evitem:

-Xingamentos / Ofensas;
-Incitar o ódio e o preconceito;
-Spam;
-Publicar referências e links de pornografia;
-Comentários que nada tenham a ver com a postagem.

Reservamo-nos ao direito de remover qualquer comentário nessas condições.

De preferência, faça login com uma conta do Google, assim poderá entrar no ranking dos top comentaristas do blog.



Ruby