18 de setembro de 2013

Quimera

۞ADM Sleipnir



A Quimera (grego: Χίμαιρα Chimaira, ou Kimera, Chimaera) é um monstro da mitologia grega, originária da  Lícia, na Ásia Menor, e que possui o corpo e a cabeça de um leão com uma cobra como uma cauda e uma cabeça de cabra cuspidora de fogo vindo de suas costas. Diferentes versões da mitologia da Quimera tem descrições ligeiramente diferentes, como cabeça de dragão, asas nas costas ou toda a parte traseira como uma cobra, mas a maioria delas segue a descrição acima.

Independente da sua descrição, a Quimera é retratada como descendência dos monstros gregos  Tifão e Equidna, o que significa que ela é irmã de outros monstros gregos famosos, como a Esfinge, Cérbero e LadonOutras lendas atribuem o Leão de Neméia como uma descendência da Quimera, ao invés de seu irmão. 

Apenas avistar a Quimera já significava um mau presságio. O monstro grego regularmente aparecia diante de catástrofes, como naufrágios, tempestades violentas, e erupções vulcânicas. 

O momento mais famoso envolvendo a Quimera na mitologia grega é quando o herói Belerofonte, com a ajuda de seu fiel cavalo alado Pégaso, matou a Quimera com um golpe de lança arremessada do céu.



Além da mitologia, o termo "quimérico" é utilizado nas pesquisas científicas para definir um animal que contém mais do que um conjunto de códigos genéticos. Este é um aceno claro para o monstro grego, em que o monstro em si é uma combinação de três animais diferentes 'normais'.

Quimera é também o termo usado para se referir a qualquer outra criatura ou estar com características físicas e mentais ou traços de várias outras criaturas. A utilização desse termo é o elemento mais duradouro do mito sobre a Quimera. Mais tarde na época medieval, a palavra foi usada para descrever qualquer combinação de monstros híbridos, e tinha uma profunda ligação com o mal e o demoníaco. Existem muitos monstros híbridos, mesmo se tomarmos como referência apenas os monstros da mitologia grega, e isso é interessante pois  a Quimera foi o único de todos eles que acabou por definir um termo que ainda é usado em múltiplas finalidades hoje.



Obrigado por sua visita! Se gostou da leitura, por favor deixe um comentário. Compartilhe nossas postagens nas redes sociais!

3 comentários:

  1. Legal, gostei de saber mais sobre essas criaturas.

    ResponderExcluir
  2. Muito boa a explicação. Sempre tive curiosidade em saber a definição de quimera. Parabéns pelo blog, gostei muito.

    ResponderExcluir



Seu comentário é importante e muito bem vindo. Só pedimos que evitem:

-Xingamentos / Ofensas;
-Incitar o ódio e o preconceito;
-Spam;
-Publicar referências e links de pornografia;
-Comentários que nada tenham a ver com a postagem.

Reservamo-nos ao direito de remover qualquer comentário nessas condições.

De preferência, faça login com uma conta do Google, assim poderá entrar no ranking dos top comentaristas do blog.



Ruby