Image Map

18 de setembro de 2013

Quimera

۞ADM Sleipnir


A Quimera (grego: Χίμαιρα; também Kimera ou Chimaeraé um monstro da mitologia grega, originária da  Lícia, na Ásia Menor, e que possui o corpo e a cabeça de um leão com uma cobra como uma cauda e uma cabeça de cabra cuspidora de fogo vindo de suas costas. Diferentes versões da mitologia da Quimera tem descrições ligeiramente diferentes, como cabeça de dragão, asas nas costas ou toda a parte traseira como uma cobra, mas a maioria delas segue a descrição acima.

Independente da sua descrição, a Quimera é retratada como descendência dos monstros gregos  Tifão e Equidna, o que significa que ela é irmã de outros monstros gregos famosos, como a Esfinge, Cérbero e LadonOutras lendas atribuem o Leão de Neméia como uma descendência da Quimera, ao invés de seu irmão. 

Apenas avistar a Quimera já significava um mau presságio. O monstro grego regularmente aparecia diante de catástrofes, como naufrágios, tempestades violentas, e erupções vulcânicas. 

O momento mais famoso envolvendo a Quimera na mitologia grega é quando o herói Belerofonte, com a ajuda de seu fiel cavalo alado Pégaso, matou a Quimera com um golpe de lança arremessada do céu.


Além da mitologia, o termo "quimérico" é utilizado nas pesquisas científicas para definir um animal que contém mais do que um conjunto de códigos genéticos. Este é um aceno claro para o monstro grego, em que o monstro em si é uma combinação de três animais diferentes 'normais'.

Quimera é também o termo usado para se referir a qualquer outra criatura ou estar com características físicas e mentais ou traços de várias outras criaturas. A utilização desse termo é o elemento mais duradouro do mito sobre a Quimera. Mais tarde na época medieval, a palavra foi usada para descrever qualquer combinação de monstros híbridos, e tinha uma profunda ligação com o mal e o demoníaco. Existem muitos monstros híbridos, mesmo se tomarmos como referência apenas os monstros da mitologia grega, e isso é interessante pois a Quimera foi o único de todos eles que acabou por definir um termo que ainda é usado em múltiplas finalidades hoje.

NÃO DEIXE O BLOG MORRER! Separe um minuto para comentar, elogiar ou criticar as publicações. Faça também sugestões. Sua interação é importante e ajuda a manter o blog ativo!

4 comentários:

  1. Legal, gostei de saber mais sobre essas criaturas.

    ResponderExcluir
  2. Muito boa a explicação. Sempre tive curiosidade em saber a definição de quimera. Parabéns pelo blog, gostei muito.

    ResponderExcluir
  3. Muito bom, ouvi sobre quimera em alguns raps (como Na mira) e me interessei pesquisei e fiquei fascinado vou começar a pixar umas frases de critica ao sistema e vou usar esse nome como assinatura pq vou surgir na catástrofe da situação do Brasil atualmente

    ResponderExcluir



Seu comentário é muito importante, e muito bem vindo, porém peço que evitem:

1) Xingamentos ou ofensas gratuitas ao autor e a outros comentaristas;
2)Comentários racistas, homofóbicos, xenófobos e similares;
3)Spam de conteúdo e divulgações não autorizadas;
4)Publicar referências e links para conteúdo pornográfico;
5)Comentários que nada tenham a ver com a postagem.

Comentários que inflijam um desses pontos estão sujeitos a exclusão.

De preferência, evite fazer comentários anônimos. Faça login com uma conta do Google, assim poderei responder seus comentários de forma mais apropriada, e de brinde você poderá entrar no ranking dos top comentaristas do blog.



Ruby