Image Map

28 de maio de 2021

Danu

۞ ADM Sleipnir

Arte de Genzoman

Danu (também Anu, Anna, Anann, Dana, Danann) é a deusa-mãe ancestral irlandesa, da qual todos os Tuatha Dé Danann são ditos descenderem. Apesar de sua importância para a mitologia irlandesa, a sua figura permanece um grande mistério. Apesar de ser uma divindade muito antiga, Danu não aparece nos mitos e textos celtas maiores. Embora estudiosos tenham freqüentemente buscado respostas sobre esta matriarca misteriosa, poucos detalhes definitivos foram encontrados.

Embora Danu fosse a deusa mãe e homônima dos Tuatha Dé Danann, muito sobre ela permanece envolto em mistério. Danu era a fonte da herança comum da tribo, bem como sua nobreza, unidade e poder. Como uma deusa da soberania e do poder, Danu concederia presentes aos governantes e aos de nascimento nobre. Embora esses presentes variassem em valor e substância, é claro que os reis, chefes e líderes dos Tuatha Dé Danann retiraram seu poder dela. Os Tuatha Dé Danann eram criativos, astutos e habilidosos, e foi teorizado que Danu era a fonte de tais talentos.

Arte de Pernastudios

Como uma deusa-mãe, acreditava-se que Danu amamentou muitos dos deuses e incutiu neles um senso de sabedoria. Dada a natureza migratória dos Tuatha Dé Danann, especulou-se que ela também era uma deusa do vento ou da terra, e essa suposta conexão com a terra também a ligava às fadas, aos montes de fadas e às muitas pedras eretas e dólmens da Irlanda. Uma das conexões mais fortes de Danu era com o Danúbio, um grande rio europeu que as tribos celtas teriam seguido durante suas migrações. Acredita-se que o nome do rio seja de origem céltica ou cita, o que dá crédito a essa teoria. Muitos acreditam que Danu era uma representação desse antigo rio, ao qual as tribos celtas podem ter considerado um ancestral.


De todas as características de Danu, a mais bem estabelecida era sua família. Todos os membros do Tuatha Dé Danann descendiam dela de uma forma ou de outra. Reis, guerreiros, artesãos, músicos, trapaceiros, juízes, poetas e atletas vieram de uma única fonte: Danu. Embora seu marido permaneça desconhecido, o assunto é amplamente irrelevante. A tradição irlandesa afirma que Danu era o ancestral notável da tribo, independente de qualquer marido ou pai que ela pudesse ter.

A tradição neopagã acrescentou aos mitos de Danu muitas coisas que não estavam presentes na tradição irlandesa. Por exemplo, a tradição neopagã a reverencia como uma deusa tripla, tanto em associação com a deusa Morrígan quanto de forma independente. Há pouco consenso entre os neopagãos quanto ao que Danu representa, no entanto, e ela é em grande parte uma folha em branco para os praticantes usarem como quiserem. A falta de um mito definitivo para Danu sugere que ela era uma deusa antiga, e alguns acreditam que seu nome era um título que poderia pertencer a qualquer número de indivíduos.


NÃO DEIXE O BLOG MORRER! Separe um minuto para comentar, elogiar ou criticar as publicações. Faça também sugestões. Sua interação é importante e ajuda a manter o blog ativo!

2 comentários:

  1. Muito Legal! Os Tuatha Dé Danann sempre foram uma parte interessante da mitologia irlandesa que gosto muito.

    ResponderExcluir
  2. muito bom, parabéns, fala sobre os druidas

    ResponderExcluir



Seu comentário é muito importante, e muito bem vindo, porém peço que evitem:

1) Xingamentos ou ofensas gratuitas ao autor e a outros comentaristas;
2)Comentários racistas, homofóbicos, xenófobos e similares;
3)Spam de conteúdo e divulgações não autorizadas;
4)Publicar referências e links para conteúdo pornográfico;
5)Comentários que nada tenham a ver com a postagem.

Comentários que inflijam um desses pontos estão sujeitos a exclusão.

De preferência, evite fazer comentários anônimos. Faça login com uma conta do Google, assim poderei responder seus comentários de forma mais apropriada, e de brinde você poderá entrar no ranking dos top comentaristas do blog.



Ruby