17 de junho de 2015

Kintaro

۞ ADM Sleipnir




Kintaro ( trad. "O Menino de Ouro") é um herói popular do folclore japonês. Ele é uma criança detentora de uma força sobre-humana, e foi criado nos bosques por uma bruxa. Ele era amigo dos animais da montanha, e mais tarde tornou-se um discípulo do principe Minamoto-no-Yorimitsu, sob o novo nome de Sakata-no-Kintoki.

Kintaro é uma figura popular nos teatros noh e kabuki, e é um costume japonês presentear as crianças com um boneco dele no Dia das Crianças, na esperança de que elas se tornem igualmente corajosas e fortes.



História


Existem muitas versões de sua história. Em uma delas, Kintaro foi criado por sua mãe, a princesa Yaegiri, filha de um homem rico chamado Shiman-Choja, próximo ao Monte Ashigara. Em outra lenda, sua mãe deu à luz no que é hoje Sakata, e foi forçada a fugir, no entanto, devido à luta entre seu marido, um samurai chamado Sakata, e seu tio. Ela finalmente se conseguiu se estabelecer nas florestas do Monte Ashigara para criar seu filho. 

Nesse ponto, existem duas versões. Na primeira, a verdadeira mãe de Kintaro abandona a criança na floresta e na segunda, ela morre. Kintaro acaba sendo encontrado e criado pela bruxa da montanha, Yama-uba (um conto diz que a mãe de Kintaro o criou, mas devido a sua aparência abatida, ela veio a ser chamada de Yama-uba). Na versão mais fantasiosa do conto, Yama-uba era a mãe de Kintaro, e deu a luz ao mesmo após ser impregnada por um trovão enviado por um dragão vermelho do Monte Ashigara.



As lendas concordam que mesmo sendo uma criança, Kintaro era ativo e incansável. Ele era gordo, corado e vestia apenas um babador com o kanji para " ouro" (金) bordado nele. Seu único outro acessório era uma machadinha. Como não haviam outras crianças na floresta, seus amigos eram principalmente os animais do Monte Ashigara. Ele também era incrívelmente forte, sendo capaz de esmagar rochas em pedaços, arrancar árvores e quebrar troncos como se fossem meros galhos. Seus amigos animais serviam como mensageiros e montarias, e algumas lendas dizem que Kintaro aprendeu a falar a língua deles. Vários contos falam das aventuras de Kintaro, lutando contra monstros e demônios, enfrentando ursos, e ajudando os lenhadores locais a cortar árvores. Em uma de suas aventuras, ele enfrentou um demônio na forma de uma aranha venenosa gigante. Ele arrancou uma árvore e a utilizou para esmagar o monstro.

Um dia, quando já era adulto, Kintaro estava derrubando uma árvore com as mãos, para construir uma ponte sobre uma cachoeira e criar uma passagem para os animais, quando vassalos do então senhor feudal Minamoto-No-Yorimitsu passavam por lá. Ao testemunharem as habilidades e a força do rapaz, decidiram levá-lo à presença de Minamoto-No-Yorimitsu, que o recrutou, tornando-o membro de sua guarda pessoal e levando-o para Kyoto.

Kintaro ganhou poder, riqueza e proeminência como um samurai, e veio a ser conhecido como Sakata no Kintoki. Ele posteriormente construiu uma casa confortável para sua mãe em Kyoto, onde eles puderam viver com muito conforto.


Obrigado por sua visita! Se gostou da leitura, por favor deixe um comentário. Compartilhe nossas postagens nas redes sociais!

3 comentários:

  1. fui o unico q percebeu uma referencia a gintama ¬¬

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. referencia a goku na primeira fase de dragon ball e sentoumaru de one piece

      Excluir



Seu comentário é importante e muito bem vindo. Só pedimos que evitem:

-Xingamentos ou ofensas gratuitas;
-Comentários racistas e/ou xenófobos;
-Spam;
-Publicar referências e links de pornografia;
-Desrespeitar o autor da postagem ou outro visitante;
-Comentários que nada tenham a ver com a postagem.

Removeremos quaisquer comentários que se enquadrem nessas condições.

De preferência, evite fazer comentários anônimos. Faça login com uma conta do Google, assim poderemos responder seus comentários de forma mais apropriada, e você poderá entrar no ranking dos top comentaristas do blog.



Ruby