Image Map

10 de junho de 2022

Okpe

۞ ADM Sleipnir

Arte de Rodrigo Viany (Sleipnir)

Okpe é um enorme ogro quadrúpede pertencente ao folclore dos tehuelches, povo ameríndio nativo da Patagônia (e por isso também conhecidos como patagônios). Ele é bem maior que um humano e se assemelha a um porco na aparência, porém seu corpo é revestido de rochas sólidas, não possuindo pontos fracos que permitam ser ferido e tornando-o virtualmente invencível contra ataques de armas convencionais. 

De natureza carnívora, o Okpe tem como prato preferido a carne de crianças humanas. Para atraí-las, ele utiliza como isca carne assada roubada de adultos, os quais ele ataca e mata para consegui-la. Assim que uma criança sente o cheiro da carne e vem até ele, o Okpe a pega e a atira em suas costas, carregando-a até o seu covil para devorá-la. Uma vez pega, a criança só conseguirá escapar dele caso tenha a sorte de agarrar o galho de uma árvore durante o trajeto do Okpe até seu covil.

Uma história conta que certa vez, o Okpe sequestrou uma criança mais velha, que teve a coragem e a esperteza de se segurar em um galho de árvore enquanto era sequestrada por ele. Enquanto o Okpe procurava por ela, a criança retornou para a sua aldeia, e ao contar aos adultos o que aconteceu, eles armaram uma armadilha para pegá-lo. Eles abateram uma égua, e depois de remover sua pele, a esticaram no chão da entrada da aldeia. Quando o Okpe chegou correndo atrás da criança, ele acabou escorregando na pele esticada e caiu com tanta força que sua pele de pedra estalou, produzindo um barulho semelhante ao de um trovão. Não tendo conseguido recuperar sua caça, o Okpe chorou tanto que suas lágrimas provocaram uma inundação que chegou até a altura de seus dentes. Por fim, as lágrimas pararam, mas apenas porque o Okpe temia se afogar. As terras secaram depois de um tempo, e desde então o Okpe nunca mais incomodou os Tehuelches.

Arte de Ognimdo2002

fontes:

  • https://mythicalmonstersandcreaturez.blogspot.com/2018/04/argentinian-myth-monsters.html
  • https://abookofcreatures.com/

NÃO DEIXE O BLOG MORRER! Separe um minuto para comentar, elogiar ou criticar as publicações. Faça também sugestões. Sua interação é importante ajuda a manter o blog ativo!

Nenhum comentário:



Seu comentário é muito importante, e muito bem vindo, porém peço que evitem:

1) Xingamentos ou ofensas gratuitas ao autor e a outros comentaristas;
2)Comentários racistas, homofóbicos, xenófobos e similares;
3)Spam de conteúdo e divulgações não autorizadas;
4)Publicar referências e links para conteúdo pornográfico;
5)Comentários que nada tenham a ver com a postagem.

Comentários que inflijam um desses pontos estão sujeitos a exclusão.

De preferência, evite fazer comentários anônimos. Faça login com uma conta do Google, assim poderei responder seus comentários de forma mais apropriada, e de brinde você poderá entrar no ranking dos top comentaristas do blog.



Ruby