21 de julho de 2013

Leão de Neméia

۞ ADM Sleipnir



O Leão de Neméia era um monstro da mitologia grega que residia na planície de mesmo nome. Diz-se que o Leão de Neméia não podia ser morto com armas mortais por causa de sua pele dourada que lhe dava impermeabilidade à ataques. As garras da criatura eram mais penetrantes do que qualquer espada convencional e podiam cortar qualquer armadura.

O Leão de Neméia é geralmente considerado como sendo parte da descendência de Tifão e Equidna; outras origens afirmam que o leão surgiu da lua como a descendência de Zeus e Selene, ou que ele é filho de Equidna e seu filho Ortros, o cão de duas cabeças, ou ainda, filho de Cérbero e Quimera.

 Ele foi enviado para Neméia, no Peloponeso, para aterrorizar a cidade. Ele acabou sendo morto por Héracles (Hércules), como parte do seu primeiro trabalho, que o fez obter a pele do leão de Neméia.

Héracles e o Leão de Neméia


Inicialmente, Hércules foi obrigado a completar dez trabalhos, e não doze. O rei Euristeu decidiu que a primeira tarefa de Héracles seria trazer-lhe a pele de um leão invulnerável, o qual aterrorizava as colinas ao redor de Neméia.

Partindo para um trabalho aparentemente impossível, Héracles chegou a uma cidade chamada Cleonas, onde ficou na casa de um pobre camponês chamado Molorco, cujo filho havia sido devorado pelo leão. Quando Molorco ofereceu-se para sacrificar um carneiro para clamar por uma caça segura ao leão, Héracles pediu-lhe para esperar 30 dias. Se o herói retornasse com a pele do leão, eles iriam juntos sacrificar o carneiro a Zeus, rei dos deuses. Se Héracles morresse tentando matar o leão, Molorco concordou em sacrificar o carneiro em honra à Héracles.

Quando Héracles chegou a Neméia e começou a seguir o terrível leão, ele logo descobriu que suas flechas eram inúteis contra a besta. Héracles pegou sua clave e foi atrás do leão. Seguindo-o para uma caverna, que tinha duas entradas, Héracles bloqueou uma das entradas, em seguida, aproximou-se do leão feroz através da outra. Agarrando o leão com seus braços poderosos, e ignorando suas garras poderosas, ele o segurou com força, e o leão sufocou até a morte. Para celebrar o feito bravio, Zeus leva o leão aos céus na forma da constelação que leva o seu nome.



Héracles voltou para Cleonas no trigésimo dia após ele ter partido para a caça. Molorco já estava pronto para sacrificar o carneiro em memória do herói, quando este chegou, coberto com a pele do leão. Então como prometido os dois sacrificaram o carneiro em honra a Zeus. 

Quando Héracles voltou para Micenas, Euristeu ficou surpreso que o herói tinha conseguido cumprir uma tarefa tão impossível. O rei ficou com medo de Hércules, e proibiu-lo de entrar pelos portões da cidade. Além disso, Euristeu tinha uma grande jarra de bronze, parcialmente enterrado na terra, onde ele poderia se esconder de Hércules, se necessário. Depois disso, Euristeu enviou seus comandos para Héracles por um arauto, recusando-se a ver o rosto poderoso herói.

Muitas vezes, podemos identificar Héracles em antigas pinturas em vasos gregos ou esculturas, simplesmente porque ele é retratado vestindo uma pele de leão. Os escritores antigos discordaram sobre se a pele Héracles usava era a do leão de Neméia, ou um de um leão diferente, o que Héracles teria matado quando ele tinha 18 anos de idade. O dramaturgo Eurípides escreveu que a pele do leão de Héracles veio do bosque de Zeus, o santuário de Neméia.


Obrigado por sua visita! Se gostou da leitura, por favor deixe um comentário. Compartilhe nossas postagens nas redes sociais!

7 comentários:

  1. Estou lendo uma HQ do Hércules que se passa no futuro, porém relata a mitologia original, salvo algumas alterações, e este post me ajudou bastante ao comparar a HQ e a mitologia.

    ResponderExcluir
  2. Esse leão de muito trabalho... -.-'
    Quando finalmente conseguiu encontrar o leão, Héracles se escondeu nos arbustos, pegou seu arco e acertou-o com uma flecha bem na testa, contudo não surtiu nenhum efeito. Era como a picada de um inseto. Como estava escuro, o leão entrou no seu covil, uma caverna. Então o herói resolveu esperar na entrada do covil até que o leão saísse, porém a espera foi em vão. Não havia sinal do animal. Três dias se passaram quando Héracles ouviu um rugido na montanha vizinha e como o leão não havia passado por ele, logo concluiu que a caverna possuía uma segunda entrada. Héracles a encontrou, obstruiu a entrada com pedras grandes e voltou para o seu posto. Não passado muito tempo ouviu-se o rugido da criatura furiosa, que chegou em instantes à primeira entrada e sumiu dentro da caverna. Como o espaço dentro da mesma era muito limitado, Herácles não conseguiria lutar ali dentro. O único modo era forçar a saída do leão. Então, o herói, pegou galhos e, inflamando-os, arremessou-os caverna adentro. Com a fumaça causada pelo fogo, o leão teve não teve escolha senão sair. Héracles pegou sua clava, preparou-se para enfrentar a criatura e conseguiu desferir um golpe acertando com toda força a cabeça do leão. A clava foi feita em pedaços. O leão continuava vivo, porém um pouco zonzo. Essa foi a chance de imobilizar e sufocar aquela criatura temível que caiu morta em seguida.
    Como nenhuma arma conseguia perfurar a pele do leão de Nemeia, Héracles arrancou uma de suas garras e, por fim, conseguiu retirar a pele.
    Essa pele seria o escudo perfeito, um trunfo que Euristeu deu à Héracles sem saber estava ajudando-o na realização dos demais trabalhos.

    Acho que empolguei e..e

    ResponderExcluir
  3. O Leão de Neméia se transformava em mulher? Eu já ouvi relatos de algo parecido com isso. Existe alguma história que seja assim nas aventuras de Herácles?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nunca ouvir falar nisso. A única habilidade conhecida do Leão de Neméia é a sua invulnerabilidade a armas.

      Excluir
    2. Sim amigo, mas não na mitologia original. Isso aconteceu numa adaptação cinematográfica. Abraço.

      Excluir
  4. Interessante, estava fazendo um trabalho sobre esse assunto é agora entendi a história com mais facilidade, ótima explicação.

    ResponderExcluir



Seu comentário é importante e muito bem vindo. Só pedimos que evitem:

-Xingamentos ou ofensas gratuitas;
-Comentários racistas e/ou xenófobos;
-Spam;
-Publicar referências e links de pornografia;
-Desrespeitar o autor da postagem ou outro visitante;
-Comentários que nada tenham a ver com a postagem.

Removeremos quaisquer comentários que se enquadrem nessas condições.

De preferência, evite fazer comentários anônimos. Faça login com uma conta do Google, assim poderemos responder seus comentários de forma mais apropriada, e você poderá entrar no ranking dos top comentaristas do blog.



Ruby