12 de março de 2014

Angrboda

Na mitologia nórdica, Angrboda (antigo nórdico Angrboða, "Aquela que traz a tristeza"; também chamada Angurboda ou Angerboda) é uma jotun (gigante de gelo), mais conhecida por unir-se ao deus das trapaças Loki, e gerar três dos seus monstruosos filhos: a deusa Hel, a serpente Jormungand e o lobo Fenrir. Ela é atestada no Gylfaginning, primeira parte da Edda em Prosa de Snorri Sturluson, que também cita Jötunheim como sendo a sua morada.

Em algumas fontes existe o relato de que Angrboda seria também mãe dos lobos Skoll e Hati, filhos de Fenrir, e portanto, frutos de uma relação incestuosa. Em outras fontes, como a Völuspá e o Gylfaginning a mãe de Skoll e Hati seria uma jotun sem nome de Járnvid, uma floresta localizada a leste de Midgard, com quem Angrboda é geralmente identificada.


Quando os Aesir tomaram conhecimento que Loki e Angrboda haviam gerado essas criaturas terríveis e perigosas, eles ficaram furiosos e logo trataram de separá-los, temendo que eles pudessem ser uma ameaça. Hel foi banida para viver em Helheim, um dos nove reinos da mitologia nórdica, o qual ela transformou em seu próprio domínio. Jormungand foi lançado ao mar, onde eventualmente cresceu tanto que foi capaz de cercar o planeta inteiro ao ponto de conseguir morder sua própria cauda. Por último, o lobo Fenrir foi trazido para Asgard, mas quando os deuses perceberam que não podiam controlá-lo, ele foi levado para uma ilha onde foi amarrado a uma rocha com uma corrente mágica feita pelos anões, chamada Gleipnir. Durante os eventos do Ragnarok, os três irmãos se unirão novamente, e ao lado de seu pai travarão a batalha final contra os Aesir. Quanto ao destino de Angrboda, nada é relatado.


Apoie nosso trabalho! Deixe um comentário, dê sugestões, elogie, critique. Mantenha o blog vivo. Siga-nos também no instagram @portaldosmitos

3 comentários:



Seu comentário é muito importante, e muito bem vindo. Porém pedimos que evitem:

1)Xingamentos ou ofensas gratuitas;
2)Comentários racistas, homofóbicos, xenófobos e similares;
3)Spam de conteúdo e divulgações não autorizadas;
4)Publicar referências e links para conteúdo pornográfico;
5)Desrespeitar gratuitamente o autor da postagem ou outro visitante. Mantenha a polidez;
6)Comentários que nada tenham a ver com a postagem.

Removeremos quaisquer comentários que se enquadrem nessas condições.

De preferência, evite fazer comentários anônimos. Faça login com uma conta do Google, assim poderemos responder seus comentários de forma mais apropriada, e você poderá entrar no ranking dos top comentaristas do blog.



Ruby