23 de setembro de 2012

Íncubos & Súcubos

۞ ADM Sleipnir



Íncubos (latim Incubus) e Súcubos (latim Sucubus) são poderosos demônios que costumam atormentar mulheres e homens. Ambos os nomes têm origem latina. Incubus vem do verbo incubare que significa "deitar-se sobre" e Sucubus vem do verbo succubare que significa "deitar-se em baixo de". Assim sendo, Íncubos são demônios machos que visitam mulheres mortais e têm sexo com elas, enquanto Súcubos são as versões femininas e atacam homens.


Existem muitas lendas que relatam acontecimentos ou encontros com estes demônios, cada um influenciado pela sua cultura e contexto sócio-político. Na era medieval acreditava-se que esta terrível criatura sugava a força vital da vitima, o que naqueles tempos representava a alma. Portanto pensava-se que os Súcubos e Íncubos roubavam almas. Mas com o passar dos séculos os hábitos destes seres mudaram muito drasticamente. Começaram a assediar e a consumar atos sexuais, sendo considerado um pecado contra Deus.

Estas lendas medievais provavelmente devem vir do antigo mito grego de Empusae, que eram demônios e filhas da obscura deusa Hécate. Podiam transformar-se em cadelas, vacas ou belas donzelas e deitavam-se com os homens de noite, sugando a sua forca vital até á morte. 



Também existe outra versão que afirma que estes demônios são a prole de Lilith. Segundo antigas lendas Hebraicas, Lilith foi a primeira mulher de Adão, criada por Deus a partir de sujeira e de lixo antes da criação de Eva. Ela deixou Adão porque durante o ato sexual, ele deitava-se sempre por cima dela e como ela achava-se igual a ele, o ato devia se consumado com ambos deitados de lado. Começou a copular com anjos caídos e teve imensos filhos (demônios). Eram chamados de Lilim, os que seduziam os fracos mortais no silencio da noite.

Os relatos mais antigos provêm da mitologia grega, quando Zeus seduz Leda transmutado em cisne. Existem também inúmeros mitos célticos que nos falam de fadas do amor. Por exemplo, na Escócia existe uma lenda que conta que outrora existiam criaturas aladas que visitavam frequentemente jovens adolescentes em forma de Súcubos, belas donzelas ou prostitutas. Estas criaturas eram chamadas de Leannain Sith.

Também podemos encontrar visitas de Íncubos na religião católica. Esta afirma que Cristo nasceu da Virgem Maria e do anjo que a visitou (o que é interpretando como uma visita de um Incubus). Também no livro de Enoch existem relatos que afirmam que os anjos chamados de Vigilantes copularam com mulheres e deram a origem a gigantes.


Antigas lendas inglesas falam-nos de uma criatura chamada Lâmia. Aparecia nos cemitérios como uma bela donzela e atraia jovens incautos para a sua morte. Diz a lenda que se alguém visse uma bela donzela num cemitério deveria chamar por ela, pois as Lâmias não podem falar porque têm língua bífida, como as cobras.

Muitos historiadores afirmam que os Íncubos são anjos caídos em que o seu único proposito é ter filhos mortais. Estes demônios não tinham corpos e para atacarem tinham ou de animar um cadáver ou manipular um pedaço de carne humana e fazer dele o seu corpo. Também é referido noutras lendas que estes demônios podiam assumir a aparência de pessoas que a vitima conhecia bem, como o marido ou um vizinho.





O teólogo Sinistrari, autor do livro De Daemonialitate et Incubis et Succubis, afirmava existirem dois tipos de pessoas que eram regularmente visitadas por estes seres. Ou eram feiticeiras que conscientemente faziam pactos com demônios ou eram pessoas pobres e simples que eram atacadas.

Temos de concluir estas lendas como normais e como tendo causas plausíveis. Quando consideramos que a população dos séculos passados era terrivelmente oprimida, especialmente no aspecto da sexualidade. Na generalidade eram bastante ignorantes e o único conhecimento que recebiam era o que o padre lhes dizia, e esse conhecimento eram superstições usadas para manter a população controlada pelo medo. Inevitavelmente teriam pesadelos que envolviam os seus impulsos sexuais oprimidos e diziam ser assediados por demônios. Toda esta ridícula superstição levou muitas mulheres para a fogueira durante a época da inquisição, acusadas de terem sexo com demônios. Assim como crianças deformadas eram tomadas como filhas de Íncubos e assassinadas junto com suas mães. Mas o mais curioso é que muita gente, nos dias de hoje, acredita ser visitada por Íncubos e Súcubos... e assim o mito persiste.

Obrigado por sua visita! Se gostou da leitura, por favor deixe um comentário. Compartilhe nossas postagens nas redes sociais!

12 comentários:

  1. Seria interessante vc escrever também sobre os Inccubus.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ADM - Demon Girl

      Essa matéria sera expandida em breve

      Excluir
    2. ADM Sleipnir

      Matéria atualizada ^^

      Excluir
    3. Não sei quem é você, mas sei que essas informações são apenas para nível de conhecimento. No Brasil há consciências Súcubos e Íncubos ressomadas, e que estão envovidas com magia e inclusive com a prostituição, a promiscuidade sexual e orgias de forma geral. Não vou entrar em detalhe, pois poderia lhe comprometer, mas, realmente existem... Mas para adentrar sua psicosféra, tem que ter gabarito e coragem.

      Excluir
  2. Gostaria de saber onde achou estas referências, super interessante. Desde já obrigada.

    ResponderExcluir
  3. Muito interessante e arrepiante ao mesmo tempo. De certo modo, isso pode ser até excitante para algumas pessoas, pena que esses "abusos" possuem uma finalidade ruim.

    ResponderExcluir
  4. Amigo, pesquise mais... há afirmações sem sentido... não acredite em tudo o que lê na internet... abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois compartilhe conosco o que não faz sentido. Sabendo, posso procurar melhorar essa e outras postagens na mesma situação. Este post por exemplo, já faz mais de 3 anos que foi publicado aqui. Certamente devem ter coisas a serem consertadas e melhoradas, mas não tenho tempo disponível para ficar caçando erros e equívocos.

      Excluir
  5. Muito boa a matéria. Poderia explanar melhor a parte que fala sobre Maria, o anjo e o nascimento de Cristo? Ele deixa de ser filho de Deus para ser um filho da maldição (por assim dizer). Buguei.

    ResponderExcluir
  6. mano eu pesquisei e o autor do livro compendium malifucarum é um cara chamado de Francesco Maria Guazzo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado por informar Neon Gamer. Foi um erro do autor original do texto e que acabei publicando sem verificar. Sinistrari é autor de algumas obras que tratam de assuntos relacionados a demônios sexuais e também sobre os pecados relacionados ao sexo.

      Excluir



Seu comentário é importante e muito bem vindo. Só pedimos que evitem:

-Xingamentos ou ofensas gratuitas;
-Comentários racistas e/ou xenófobos;
-Spam;
-Publicar referências e links de pornografia;
-Desrespeitar o autor da postagem ou outro visitante;
-Comentários que nada tenham a ver com a postagem.

Removeremos quaisquer comentários que se enquadrem nessas condições.

De preferência, evite fazer comentários anônimos. Faça login com uma conta do Google, assim poderemos responder seus comentários de forma mais apropriada, e você poderá entrar no ranking dos top comentaristas do blog.



Ruby