16 de outubro de 2014

Xing Tian

۞ ADM Sleipnir


Xing Tian (chinês: 刑 天) é um gigante lendário da mitologia chinesa, conhecido por desafiar o Imperador Amarelo (Shang Di/Tian), a suprema divindade chinesa, e que não desiste mesmo após ser decapitado pelo mesmo.

Ele é mencionado no capítulo 7 do texto clássico chinês Shanhaijing (Clássico das Montanhas e Mares), bem como em trabalhos posteriores, como em  um poema de Tao Yuanming (367-427 dC). Na história Lushi, compilada pelo sábio Luo Mi, Xing Tian é descrito como um ministro de Yan di, que compunha músicas para os agricultores para a lavoura e colheita, no entanto, este Xing Tian é escrito com um diferente caractér para Xing, por isso não está claro se os dois representam o mesmo personagem. 

No Oráculo de Ossos

De acordo com o oráculo de ossos (saiba mais AQUI), em tempos antigos o gigante Xing Tian era originalmente um seguidor do Imperador Yan. Após a vitória do Imperador Amarelo sobre Yan na Batalha de Banquan, Xing Tian seguiu seu mestre para o exílio no sul. Nesse momento, Xing Tian ainda não tinha um nome. Ele desejou se juntar a revolta liderada por Chi You, mas Yan Di não permitiu que ele o fizesse.

Após o Imperador Amarelo derrotar e executar Chi You, Xing Tian empunha um machado e um escudo e então partiu para enfrentar o deus. Ele força o caminho pelo portão sul do Tribunal Celestial, morada do Imperador Amarelo, e lá derrota guarda após guarda até ficar face a face com o Imperador Amarelo. Xing Tian o desafia para um combate, e o mesmo aceita de imediato. 



O Imperador Amarelo saca sua melhor espada e então os dois iniciam um combate feroz, e sem perceber, eles acabaram deixando o palácio celestial para trás, lutando até chegarem a Montanha Changyang (常 羊 之 山). Em um movimento rápido, o Imperador Amarelo distraiu Xing Tian e então o decapitou. Sua cabeça rolou todo o caminho até atingir o pé da montanha, causando um estrondo. 

Em vez de morrer, o gigante foi capaz de continuar em movimento e começou a tatear o terreno ao seu redor procurando por sua cabeça. O Imperador Amarelo levantou sua espada para atacar a montanha. Com o golpe do Imperador Amarelo, a montanha foi dividida em duas, e a cabeça de Xing Tian acabou rolando para dentro da fenda, que se fechou logo após.

Xing Tian desiste de procurar sua cabeça, e nascem olhos no lugar de seus mamilos e uma boca em seu ventre. Após isso, o gigante sem cabeça é nomeado como Xing Tian, que significa "Aquele cuja cabeça foi cortada", e então continuou a se opor aos céus e aos deuses. 


Obrigado por sua visita! Se gostou da leitura, por favor deixe um comentário. Compartilhe nossas postagens nas redes sociais!

3 comentários:



Seu comentário é importante e muito bem vindo. Só pedimos que evitem:

-Xingamentos ou ofensas gratuitas;
-Comentários racistas e/ou xenófobos;
-Spam;
-Publicar referências e links de pornografia;
-Desrespeitar o autor da postagem ou outro visitante;
-Comentários que nada tenham a ver com a postagem.

Removeremos quaisquer comentários que se enquadrem nessas condições.

De preferência, evite fazer comentários anônimos. Faça login com uma conta do Google, assim poderemos responder seus comentários de forma mais apropriada, e você poderá entrar no ranking dos top comentaristas do blog.



Ruby